Quem faltou agradecer?

Hoje um dos maiores problemas nas empresas é a retenção de talentos. Nas startups e empresas pequenas, antes de reter, é preciso conquistá-los porque normalmente optar pela sua empresa quer dizer trabalhar mais, ganhar menos ou em alguns casos até não ganhar nada. É necessário encontrar pessoas que abracem seu sonho, que tenham a mesma garra e vontade de atingir o objetivo que você; quando você as encontra é fantástico, e sua ideia tem muito mais chance de dar certo, e então vem o desafio de manter…

Fonte de Imagem: Tumblr

Seria o mundo perfeito se esse brilho nos olhos se mantivesse ao longo da jornada, depois de dias difíceis, notícias ruins, apertos financeiros, nos momentos de dúvida, ou mesmo quando todas as dificuldades são superadas e você consegue finalmente entrar numa zona de conforto. Acontece que é possível isso acontecer sim, porque quando uma pessoa se sente parte importante de algo, ela acredita, e luta e continua fazendo isso, pelo tempo que for necessário, levando você e sua ideia com ela.

E depende de você fazer isso acontecer, pois as pessoas precisam sentir isso, e não só no dia que foram convencidas a fazer parte do seu sonho, precisam de reconhecimento; de motivação; o tempo todo. O maior erro dos líderes de algumas organizações é esquecer que o sucesso dele só aconteceu porque outras pessoas se dedicaram em algum ponto para isso, na maioria das vezes a pessoa que aparece para receber os méritos é somente uma representação de um grupo muito maior de pessoas anônimas.

Como fazer isso? Muito simples: Divida! Admita! Valorize seu time! Sempre que tiver oportunidade, fale dele, apresente-os, coloque-os em evidência, e especialmente, lembre-se deles quando receber brindes, elogios, oportunidades de desenvolvimento. Traga-os para comemorar as pequenas vitórias e nunca se esqueça de demonstrar para eles o quanto eles são importantes, ignore as suas preferências, pois todos que estão do seu lado contribuem de alguma forma para o seu sucesso. E esse pequeno detalhe pode ser fundamental para manter essa pessoa lutando com você.

Então aproveitando a dica, eu agradeço imensamente ao meu sócio em todas as empreitadas que já passou, dias bons e ruins comigo, mas continua firme e forte, Roberto Klein. E vocês tem alguém para agradecer? Aproveitem e façam isso já! 😉

Fabiany Lima é uma orgulhosa mãe de gêmeas e apaixonada por empreendedorismo, formada em Direito com MBA em Marketing e Vendas, é uma das selecionadas pelo Banco Goldman Sachs a participar do programa da FGV 10.000 mulheres. Atuante no mercado da internet, participou em posições de liderança em 3 startups até fundar a sua, hoje ajuda diversas startups early stage. É fundadora e CEO da Timolico, um e-commerce de Produtos Customizados que fez parte do programa de aceleração de startups da Aceleratech em parceria com a ESPM e da Timobox, uma plataforma mobile para indústria que foi selecionada pelo programa do governo “Startup Brasil”.

Um Comentário

  1. luciana@connectro.com.br'
    Luciana Witoslawski 19 de novembro de 2013 20:25 Responder

    Parabéns pelo artigo Faby. Falou tudo!

    Deixe um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    *

    15 − cinco =