Resultado da promoção “Conte sua história…”

Três histórias inspiradoras foram escolhidas por nossa equipe para publicação no blog. As vencedoras receberão também um prêmio especial de uma pessoa que nos inspira: Sônia Regina Hess de Souza – Presidente e CEO da Dudalina S.A.

A história que ficou em 1º lugar foi de Gezica Amorim Anunciação (Ghuell Amorim). Confira!

Fonte da imagem: Arquivo pessoal

Eu me chamo Ghuell Amorim, resido em Salvador (BA), sou MEI (Micro Empreendedora Individual), proprietária de uma Lan House e ofereço diversos serviços além de acesso à internet. Em 2010, meses após o falecimento de minha mãe (Alice Amorim) ocorrido em março, comecei a minha trajetória empreendedora. Na época, eu tinha uma pequena empresa doméstica de fornecimento de doces, salgados e bombons de chocolate. Abalada com a perda de minha mãe, abri falência, fiquei completamente endividada, perdi o chão, não tinha mais noção do que era trabalho, nem vida. Perdi inclusive meus filhos, pois estava grávida de gêmeos. Enfim, tudo parecia perdido: as contas crescendo e perspectiva de melhora, eu não conseguia enxergar.

Em junho, tomei a iniciativa de buscar emprestado o equivalente a R$ 4.000,00 (quatro mil reais) para abrir um negócio na garagem de minha casa. Sem muita estrutura acabei comprando, completamente às cegas, três computadores. Lembro bem que estavam numa promoção nas Casas Bahia por R$ 720,00. Daí em diante, comprei três mesas para computadores a R$ 90,00 cada uma, um suite para compartilhamento de internet por R$ 32,00, uma multifuncional HP por R$ 290,00. Comprei também vários metros de cabos para internet, gastei R$ 300,00 em fones, webcam e material de impressão, com o que sobrou paguei algumas dívidas. Pronto: Lan House montada, era o que eu pensava.

Não sabia da necessidade de programas específicos  e de uma internet de boa velocidade. Ao final de seis meses, eu não conseguia enxergar o lucro e as dívidas cresciam. Quase desisti de tudo, mas comecei a ouvir os moradores da minha rua, procurei saber as necessidades de serviços e tudo mais o que pudesse ser atraente para o comércio, eu não queria fechar as portas.

Ergui a cabeça, depois de dias em claro e chorando. Fui atrás de treinamento, comecei a investir em lanches, pois era algo que eu sempre soube fazer e todos sempre buscavam. Os brigadeiros gourmet foram o meu carro chefe. Sabores diferentes atraiam clientes que acabam acessando frequentavam a Lan House. Comecei a oferecer serviços de xerox, impressão, digitação, e a coisa foi tomando forma.

O nome do local eu mudava por sequência sempre, nada me agradava. Com o passar do tempo, percebi que ninguém chamava a lan house pelos nomes que eu atribuía, mas apenas pelo meu apelido, e assim ficou: Ghuell Amorim. Hoje trabalho diretamente com a minha comunidade oferecendo serviços gráficos, impressões, lanches, fornecendo doces e salgados, acessórios de informática, manutenção de micros. Minha vida mudou e junto com a minha comunidade, Baixa da Égua, venho fazendo o meu futuro e mudando a minha história.

Gezica Amorim Anunciação (Ghuell Amorim) – Proprietária da Ghuell Amorim Informática e Empreendimentos. Formada em Magistério (CETS), estudante de administração. Realiza projetos nas áreas de design gráfico  focando o mercado de personalizados para festas. Fornece doces e salgados, bem como acessórios de informática. Seu mais novo projeto está ligado a cultura da comunidade buscando reimplantar os hábitos da leitura e musical no espaço da Lan House.

0 Comentário

  1. renatareis.aptoemcaldasnovas@gmail.com'
    Renata Reis 14 de janeiro de 2013 18:38 Responder

    A história da Ghuell é muito conhecida por mim, e agradeço a Deus por conhecê-la. Eu a conheço desde 2005 e praticamente daí pra frente ela se esforçou em muitos projetos até chegar a lan house. Uma mulher que definitivamente se empenhou a designar um sonho que se tornou realidade. Posso dizer de boca cheia, que ela sim merece este prêmio, pois tudo que ela viveu não foi fácil, a perca da mãe a tirou o chão de tal maneira que ela não dormia. A vinda dos gêmeos era algo que poderia lhe fortificar, mas com tanta preocupação o inesperável ocorreu. Mas, nem assim fez com que ela desistisse do seu sonho em colocá-lo em prática. E graças a Deus, hoje ela tá aí com sua Lan House aberta, com seus clientes, suas quitandas gourmet que deixam qualquer um de água na boca.
    Uma mulher forte, guerreira, batalhadora, que merece tudo que há de bom na vida e tudo de melhor. Ela sim é uma exemplo vivo de perseverança e humildade.
    Parabéns minha amiga, irmã… VOCÊ MERECE !

    Beijokas Rê

      • ghellamorim@gmail.com'
        Ghuell Amorim 15 de janeiro de 2013 12:03 Responder

        Fico super grata Rê, você realmente foi uma das espectadoras dessa minha trajetória de vida, uma verdadeira batalha comigo mesma e muitas vezes contra mim mesma. As noites em claro, muitas vezes chorando valeram muito a pena, os desejos de poder melhorar, graças a Deus e aos Deuses começaram a tomar forma e você também esteve presente mesmo que a distancia nesse momento. Lhe sou grata por isso… Beijos minha flor de maracujá.

      Deixe um Comentário

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

      *

      três × 5 =